Alpinismo e Expedições

Gelo Patagónico Sul

Ao sul entre gigantes glaciares, lagos e paredes de granito situa-se a Patagónia. Terra de sonho numa imensa natureza que nos envolve como num jardim onde podemos contemplar e viver uma grande aventura. Em estas montanhas, consideradas entre as mais belas do mundo, onde a nossa proposta passa por fazer uma travessia no interior do glaciar sul Patagónico efectuando também a ascensão do Gorra Blanca.

Arestas na Peña Ubina

As montanhas da Ubina inserem-se no maciço dos montes de León. Um pouco mais discretas que os Picos da Europa, mas com cumes também imponentes, como o caso dos Fontanes, Peña Ubina, El Siete, Portillines, El Prau, entre outros. Acompanhe o nosso guia neste percurso entre arestas e paisagens fascinantes.

Toubkal 4x4000

No alto das montanhas do Atlas encontramos o Toubkal 4167m. Ponto culminante da África do Norte, este é um cume de desafio acessível, em uma primeira aproximação à alta montanha. Com ascensões tecnicamente fáceis, este programa é ideal para subir aos primeiros 4000m, envolvidos numa boa forma de realizar e vivenciar o Alpinismo. 

Aneto e Posets

O pico do Aneto com 3404 metros de altitude é o ponto mais alto e um dos marcos dos Pirineos. É um desafio culminante na rocha granítica, entre cristas e arestas. Neste programa siga o nosso guia por entre as vertentes e glaciares, em um conjunto de sensações e experiências da ascensão de montanhas com condições naturais únicas.

Morezon e Almanzor

O Circo de Gredos, constitui para muitos, a porta de entrada para o ambiente da alta montanha e alpinismo. Aqui sobressai os seus lagos, as arestas, os seus cumes, mas principalmente o Almanzor, ponto mais alto da serra de Gredos.
Acompanhe os nosso guia da Alpine Climbers nesta travessia sobre arestas e cumes. Esta travessia é uma boa forma de vivenciar e ter as sensações do alpinismo, assim como de realizar as ascensões do Morezon e Almanzor.

Pico Orizaba

O Pico Orizaba localiza-se no México. É o vulcão mais alto da América do Norte e faz também parte da lista dos sete maiores cumes vulcânicos do mundo. Neste programa, no universo fabuloso dos vulcões, vamos subir o Pico Orizaba (5611m) e ainda o cimo do Malinche (4461m). Esta ascensão é dirigida aos que querem subir aos vulcões mais altos dos diferentes maciços montanhosos, assim como àqueles que pretendem subir pela primeira vez a uma montanha com mais de 5000m, e explorar mais o ambiente da alta montanha.

Pena Vieja e Tesorero

Peña Vieja, Tesorero, Torre dos Horcados Rojos, são os cumes que vamos subir neste programa de alpinismo. Encontram-se nos Picos da Europa, no maciço central, junto da Cabana Verónica e pequeno refúgio de cúpula metálica proveniente de um porta aviões americano. Ascensões fáceis, num fantástico ambiente de alta montanha, que requer técnicas de progressão em neve. Serão certamente dias com excelente panorama de belas paisagens.

Picos Anillo Extrem

Embora de altitude modesta mas nos Picos da Europa pode encontrar-se o mesmo ambiente da alta montanha. Entre os seus cumes como o Pico Urriellu, Torre de Cerredo, Peña Vieja, Peña Castil, Peña Santa de Castilla, ou uma série de outros picos, podemos contemplar magníficos panoramas e paisagens dos diferentes maciços. Acompanhe o nosso programa percorrendo o "Anillo Extrem" em um itinerário que une diferentes refúgios entre o maciço Ocidental e Central.

Pisco e Huascarán

A Cordilheira Branca dos Andes tem algumas das montanhas mais fascinantes. Por "quebradas" ou vales, entre glaciares, deslumbram-se diversos cumes atingindo mais de 6000 metros de altitude. Vamos começar por aclimatar no Pisco, para já no fim do programa escalar o Huascarán com 6768m de altitude. Será um objectivo de Alpinismo em um dos maciços com maior beleza dos Andes.

Ararat 5165m

Ararat, ou Agri Dagi, na tradição judaico-cristã, está associado com as "Montanhas do Ararate", onde segundo o livo do Genesis, a Arca de Noé estaria supostamente localizada. Este programa é uma boa forma de vivenciar a cultura local, de conhecer a região Lesta da Anatólia na Turquia, e ter também as sensações das grandes altitudes. assim como de realizar a ascensão de uma das maiores montanhas da Turquia.

Elbrus 5642m

Com esta expedição vamos subir ao monte Elbrus, a um dos “seven summits” (as montanhas mais altas de cada um dos continentes). Montanha mais alta da Europa localiza-se na Rússia e na região do Cáucaso, rica em beleza natural, importância histórica e cultural. Uma montanha em ambiente de altitude e o viver dos diferentes momentos de envolvência numa cultura diferente. Uma expedição de montanha e uma viagem em simbiose.

Kasbek 5033m

O monte Kasbek tem 5047m de altitude sendo uma das maiores montanhas do Cáucaso. Situa-se na Geórgia e o seu nome significa "glaciar" ou "montanha de gelo", ainda referida em muitas e diversas lendas locais. Um cume a conhecer, ideal para quem quer viver uma primeira experiência aos 5000 metros de altitude.

Damavand 5610m

Esta expedição leva-nos ao monte Damavand ponto mais alto do Irão e da cordilheira do Elbrus. Montanha símbolo da resistência iraniana contra o despotismo e a dominação estrangeira na poesia e literatura, esta montanha tem assim um lugar Especial na mitologia persa. Para além da montanha é também descobrir Teerão uma das maiores cidades da Ásia Ocidental.

Monte Branco 4810m

Desde a primeira ascensão a 8 Agosto de 1786, por Paccard e Jaques Balmat, que o Monte Branco faz parte do objectivo dos alpinistas e todos os anos muitos partem com destino ao cume. Não deixes de conhecer Chamonix a capital mundial do Alpinismo e de nos acompanhar até ao cimo do Monte Branco a 4810m.

Monte Perdido e Vignemale

Vignemale, Monte Perdido, Cerbillona e Taillon são os cumes que vamos subir neste programa de trekking e ascensão nos Pirenéus. Entre o vale de Ordesa e o Vignemale englobam algumas das paisagens mais belas e fascinantes dos Pirenéus. É um trekking a não perder, para quem pretende entrar nesse ambiente fascinante, aproveitando para realizar ascensões a 4 picos de mais de 3000 metros de altitude.

Vale Secreto Naar-Phu

Entre grandes montanhas, vamos percorrer uma variedade de paisagens, descobrir a cultura local, conhecer o modo de vida das pessoas, a religião, com a certeza de uma aventura e percurso excepcional. Este é um itinerário pelo vale secreto de Naar-Phu, em uma região não muito frequentada, onde o percurso entra em locais "mágicos", num dos mais bonitos trekkings e que o vai levar a apaixonar ainda mais pelo Nepal.

Chulu Far East

Chulu Far East fica no Nepal, entre os Annapurnas e as montanhas do Damodar Himal. Este programa inicia com o trekking no vale secreto de Naar-Phu e combina com a subida ao Chulu Far East (6059m).
Uma expedição em um local excepcional, em que vamos percorrer sempre rodeados entre belas montanhas e onde cada dia será um encontro com paisagens fascinantes.
Todo um ambiente de aventura, original e especial!

Curavacas e Espiguete

As montanhas de Fuentes Carrionas levam-nos a diferentes cumes como o Curavacas, Peña Prieta, Pico Murcia, Espiguete, entre outros e diversos percursos selvagens no interior dos seus vales. Acompanhe o nosso guia da Alpine Climbers na ascensão aos cumes do Curavacas e Espiguete. Este programa é uma boa forma de vivenciar a montanha e de realizar ascensões significativas dentro deste maciço.

Arestas em Gredos

O Circo de Gredos, constitui para muitos, a porta de entrada para o ambiente da alta montanha e alpinismo. Aqui sobressai os seus lagos, as arestas, os seus cumes, mas principalmente o Almanzor, ponto mais alto da serra de Gredos.
Esta travessia em arestas é uma boa forma de vivenciar e ter as sensações do "scrambling", assim como de realizar as ascensões do Morezon e Almanzor.

  • +351 932 039 496
  • https://twitter.com/espacosnaturais